Canal de estabilidade com leve viés positivo (MiniFront)

  • Por Rodrigo Albuquerque - 10 de Julho de 2021

Companheira(o) que carrega o pó da viagem,

Semana agitada no meio político e, consequentemente, no econômico. A medida que a temperatura política aumenta em Brasília, o dólar envereda pelo mesmo trieiro. Dessa arte, o câmbio foi um grande destaque por voltar a operar no “5,20 alto”! Quem diria, tão rápido!?

Allflex online: https://www.allflex.global/br/

Esse fato acabou por renovar o fôlego das commodities e, como consequência, a semana foi de valorizações no mercado futuro para o milho e o boi gordo. O cereal surfou a sua tendência de alta, no que foi acompanhado pelo físico, muito firme, dia após dia.

O boi foi com a corda na B3, subiu muito rapidamente, tendo chegado perto da resistência dos R$ 330,00/@ (terminou a semana ajustando um tanto abaixo).

De outra sorte, o mercado físico ostentou alterações nas escalas das indústrias de maneira irregular, em nível Brasil. Há estados em que o agendamento de bois aumentou (ex.: SP, GO e MT), enquanto sinalizou queda da oferta em outros (ex.: MG e TO). Se a movimentação da escala é irregular, por outro lado, é homogêneo o fato de não haver pressão contundente na arroba (até mesmo onde as escalas estão maiores).


Eu diria mais, além de não haver tentativas de recuo, vimos preços máximos que não víamos nos últimos dez/quinze dias. Cremos que o dólar mais forte em relação ao Real seja a explicação, pelo fato de melhorar a margem do abate para exportação. Além disso, a expectativa futura de quem compra boi não é desfrutar de um cenário confortável do ponto de vista de originação de gado mais a frente. Logo, para quê “bater” no bovino agora? Melhor é se garantir, quando há matéria-prima e “ir colocando carne para dentro”, evitando deixar dinheiro na mesa.

Em resumo, permanece o canal de estabilidade anunciado aqui na semana passada, mas apareceu um leve viés positivo de preço.

Até o próximo episódio!

Saúde em excesso, Rodrigo Albuquerque

Disclaimer: nenhum conteúdo do Notícias do Front deve ser entendido como recomendação de venda/retenção/compra de qualquer ativo, título ou derivativo agrícola, ou ainda como recomendação de investimento, mas sim, deve ser entendido meramente como opinião pessoal na data da sua publicação.

CASO QUEIRA DESFRUTAR O CONTEÚDO DO EPISÓDIO ACIMA, NA FORMA DE ÁUDIO (PODCAST), BASTA APERTAR O PLAY:


Artigos Relacionados

Comentários ( 0)

Escreva um comentário